15 de janeiro de 2009

O melhor domingo chuvoso e frio

O primeiro passeio da Márcia com a bicicletada foi no benfadado passeio pra Sorocaba que acabou no Embú. No dia seguinte ela escreveu pro Mestre Márcio Libélula (segunda parte) e acabou extendendo o agradecimento para lista (primeira parte).




Quem não foi ao Embu nesse domingo chuvoso ? Eu Fui...

Agradeço a todos pelo domingo beeeem diferente! Adorei o passeio, foi demais!Prometo treinar mais para não interferir na velocidade do grupo nas próximas aparições... e especial obrigado ao xará, meu "motor reserva" que me fez voar!!!

Valeu!

Márcia

Querido xará de nome e geriatra (hehehe!). Foi o "melhor domingo chuvoso e frio" da minha vida, foi muito bacana conhecer o pessoal e vencer esse baita desafio. Desde que começou a história de Sorocaba fiquei na pilha de ir, mas sempre temendo a velocidade do grupo. Fui acompanhando as trocas de mensagens, os mais cautelosos e os mais desencanados, e eu pensando se daria ou não. Quando concluí que daria conta da km, mas não da velocidade, coloquei meu nome na lista com o aviso que era lenta, esperando os comentários. Como foi tudo bem, desencanei e fui embora. Naquele momento em Osasco, quando falei que voltaria, é pq realmente achei que minhas subidas estavam muito aquém da galera. Que bom que vcs deram uma força e eu resolvi ir.Adorei vcs se revesando no "fundão" para me acompanhar, adorei a velocidade do "guincho", acho que o único momento de medo mesmo foi quando passamos por aquele carro estacionado no túnel, acho que se tivesse mais 1 milímetro de quadril teria arrancado o espelhinho dele (hehehe). Desde antes da bicicletada estava olhando os grupos de pedal, tenho uma cliente que pedala e ficava trocando idéias com ela, mas o que mais gostei desse grupo, que conheci na bicicletada, é essa mistura de prazer com pedal. Já "passei da idade" da performance, quero sim superar meus limites mas com prazer, não de olho no relógio ou em metas absurdas. Óbvio que pretendo pedalar com vcs "com minhas próprias pernas", mas não me senti diminuída pelo reboque, pelo contrário, achei de um companheirismo ímpar que só me fez gostar mais do grupo.Tenho vontade de participar dos pedais noturnos, o problema é que geralmente estou trabalhando no horário que vcs começam. Meu trabalho começa quando as pessoas saem do trabalho... tenho mais disponibilidade durante o dia que à noite, mas quando der pode ter certeza que aparecerei!Por último, e não menos importante, FELIZ ANIVERSÁRIO!!!! Fique frio que mais 3 meses voltaremos a ser xarás na idade tb!!! hehehe.bjão,Márcia

Um comentário:

marciocampos disse...

Oi, querida, vou conversar com você, em pensamento. Naquela tarde me lembro como insisti para você ir conosco ao Embú das Artes, você foi, e na volta me despedi de você te pedindo que voltasse, que ficasse conosco, que viesse a todos os encontros.

No barzinho em Embú, te vi sentadinha junto à lareira, que frio fez depois da chuva, né? E conversamos, tenho uma foto sua daquele momento. Sua voz ainda é recente na minha mente, por isso ainda não sinto que a perdemos, o tempo e a ausência vão me convencer que você se foi de fato. Você é uma mulher doce, educada, com voz calma, e essa maturidade quando fala. Tua presença constante foi te colocando cada dia mais dentro de cada um de nós, nos fazendo irmãos de alguma forma.

Que Jesus tenha te acolhido com muito amor, muito carinho, que tenha te afagado os cabelos, enxugado as lágrimas, te acalmado com suavidade, tenha te reconstituido em luz num lugar sem dor de espécie alguma.

Aqui continuaremos sobrevivendo como for possível, em meio a maldade, a crueldade que já parece soberana sobre a Terra.

Um beijo e um abraço demorado, bem calmo, bem sentido e desejado.

Teu amigo

Márcio Campos