16 de janeiro de 2009

Meu desabafo

Foda. Tá foda. A ficha ainda não caiu direito. As vezes esqueço e fico bem. Mas logo lembro e é difícil. Ontem, quando cheguei na praça do ciclista para a homenagem com a família, vi de longe uma mulher de costas com o mesmo cabelo dela e pensei que era ela. Mas, infelizmente, era óbvio que não era. Era alguma parente. Parece que o cérebro da gente não quer acreditar, faz de tudo pra negar a tristeza, como se isso pudesse mudar alguma coisa.

Mas não muda. Tá feito. Melhor deixar doer.

Esse apoio mútuo está sendo muito importante. Obrigado a todos os corajosos amigos.

Um comentário:

JuM disse...

eu também tive a sensação de ter visto ela na sexta feira...
é muito maluco.
A cabeça pregando essas peças na gente...

tristeza que vai demorar a passar.